× ENTRAR CADASTRE-SE
Banner Farelo de Trigo CBC

O que esperar do Farelo de Trigo em 2016/2017

Em plena temporada de 2016, chegando em 2017, o farelo trigo segue o seu caminho esperado, desde o começo da colheita: Sem quedas.

Apesar da pouca procura pelo commoditie por parte das fábricas de rações (principais compradores do mercado), devido à substituição do farelo pelo milho, que teve fortes baixar e um alto índice de produção, os vendedores vem conseguindo segurar o preço do farelo.

No mercado, há pouca disponibilidade do mesmo, diminuindo o poder de barganha dos compradores. Mesmo assim, no Rio Grande do Sul, pode-se observar o farelo abaixo do preço do trigo em grãos.

Seguindo esse caminho, de acordo com o Sindicato dos Produtores, deve-se fechar a temporada de farelo de trigo sem fortes quedas no preço, como era esperado.

Mas, o preço também não deve subir muito. Pois, apesar do preço pago pelos moinhos ainda ser maior que os de fábricas de ração, o mercado das farinhas não vai muito bem, o que diminui a quantidade de compra e deve segurar o farelo estável até o final da temporada.

O Farelo de Trigo por regiões

No Paraná, os compradores possuem mais opções de compras (produtos correlatos), de modo que o farelo tenha uma queda em seu valor. Mas, nada que torne o preço do mesmo instável e, de acordo com o Sindicato dos Produtores, esse cenário deve-se manter até 2017. Ou seja, com preços oscilando entre R$530 e R$650/ton granel e entre R$600 e R$690/ton ensacado.

Já em São Paulo, a baixa disponibilidade, bem como a demanda bem maior do que a oferta garante um preço entre R$570 e 620/ton granel e entre R$640 e R$690/ton ensacado, sem previsão de alterações bruscas até o fim da temporada.

Em Santa Catarina a estabilidade segue desde o começo da safra, mantendo preços entre R$600 e R$670/ton granel e entre R$650 e R$720/ton ensacado.

Já no Rio Grande do Sul, apesar dos preços mantidos, poderia haver uma leve alta devido à alta procura diante de uma escassa disponibilidade. Entretanto, a época do ano não é nada propícia para esta elevação, principalmente para os moinhos de trigo, que são – hoje – os principais compradores do farelo. Dessa maneira, o preço do farelo varia entre R$640 e R$700/ton granel e entre R$720 e R$750/ton ensacado, podendo haver uma pequena alta no começo de 2017.

Como podemos ver, as variações de preço são bastante estáveis e a situação não deve mudar ao longo de toda esta temporada.

Entretanto, para a temporada de 2017/2018 é possível que esta situação seja completamente diferente, caso a oferta de milho diminua, principalmente dos produtores do Mato Grosso que – nesta temporada – optaram pelo milho em detrimento ao Girassol, o que acabou inundando o mercado do milho, causando queda nos preços.

Diante de tudo isso, é importante que tanto o produtor, quanto compradores, corretores e cooperativas consigam manter uma ampla visão do mercado do farelo de trigo, tanto externo quanto interno.

Sendo assim, a CBC disponibiliza sua plataforma de negociação de commodities, 100% online e que conecta quem está vendendo com quem quer comprar, estejam eles no mercado interno ou externo, através de operações como Bid&Ask e leilões, que contam com salas exclusivas de negociação e intermediação.

Para saber mais sobre a plataforma de CBC clique aqui, se você já conhece e deseja se cadastrar, clique aqui!